Star Wars: Como Gwendoline Christie e Rian Johnson desenvolveram a história por detrás de Captain Phasma

By | 31st July 2017

Captain Phasma é uma personagem de Star Wars que não foi explorada em grande profundidade em O Despertar da Força, mas uma sobre a qual os fãs vão ficar a saber muito mais nos próximos meses. Para além da estreia, em dezembro, de Star Wars: Os Últimos Jedi, a Stormtrooper cromada estará no centro de um romance para acompanhar o filme, Phasma, e de uma série de comics – e ninguém está mais entusiasmado acerca disto do que a própria Gwendoline Christie.

O IGN teve a oportunidade de falar com Christie durante a tour de impensa deste ano da TV Critics’ Association, enquanto esta promovia o seu papel em Top of the Lake: China Girl, e a atriz estava a rebentar de entusiasmo acerca dos lançamentos que vão explorar mais a sua personagem em Star Wars. Ainda não teve a oportunidade de ler o romance – “Ainda não me foi permitida a entrada a ele” – mas admitiu, “Tenho andado a seguir [a autora de Phasma] Delilah Dawson, que sigo no Twitter só para dizer, ‘Lembras-te de mim? Pensas em mim?'”

Captain Phasma foi uma das mais antecipadas e populares novas personagens a serem introduzidas em O Despertar da Força, muito por causa de Christie e da sua fama em Game of Thrones. Quando fala acerca do papel que Phasma tem em Os Últimos Jedi, Christie disse que ela e o realizador/escritor Rian Johnson trabalharam em conjunto para desenvolver a história por detrás da sua personagem, e quais as suas motivações.

“Rian e eu tivemos longas conversas acerca desta personagem e sobre quem é ela realmente, e eu fiquei deliciada com a sua vontade em ouvir as minhas ideias, e realmente entusiasmada por trocar pensamentos com ele,” disse Christie. “Ele é realmente um escritor e realizador mestre, e acho que já vimos isso nos filmes que fez, mas acho que voltaremos a ver isso ainda melhor através da profundidade que ele emprega em Os Últimos Jedi.”

Apesar da história por detrás de Phasma não ter sido explorada em O Despertar da Força, Christie disse que ela desenvolve a origem e motivações da sua personagem independentemente de quem está a interpretar, seja uma Capitã da First Order ou Brienne of Tarth ou Miranda em Top of the Lake: China Girl.

“Tenho muita sorte por ter um treino clássico com uma abordagem de método, por isso faço todo o meu trabalho acerca de quem, para mim, é a personagem, posso entrar numa situação e tudo está justificado em termos lógicos e de facto, como acontece para nós, humanos,” disse ela. “A vida governa o processo de tomada de decisões, que define aquilo que somos.”

Quando foi questionada acerca de interpretar personagens como Captain Phasma, que existem para além da sua performance, Christie disse que sempre olhou para o seu trabalho como atriz como “muito mais tridimensional.”

“Fascina-me estar envolvida em algo que também tem ressonância noutras incarnações de livros ou merchandising, seja ela qual for, porque as pessoas se estão a ligar com o material que vai para além de simplesmente a ver,” disse ela. “Ligam-se de uma forma que é tátil, que está nas suas vidas, que estimula diferentes partes dos seus cérebros, diferentes partes da sua alma.”

Top of the Lake: China Girl estreia em setembro na Sundance TV, ao passo que Star Wars: Os Últimos Jedi chega às salas de cinema nacionais a 14 de dezembro deste ano. Game of Thrones está atualmente a ser exibido na HBO.


Abílio Rodrigues [of Rivia] é o editor de tecnologia do IGN Portugal, confesso amante de música e entusiasta do gaming no PC. Podes segui-lo em @KaikaneTR

Mais sobre isto…

Source link

قالب وردپرس

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *