Orquestra Sinfônica Municipal de Bauru faz concerto de aniversário nesta 4ª feira | Bauru e Marília

By | 13th September 2017

A Orquestra Sinfônica Municipal de Bauru (SP) realiza um concerto em comemoração ao 13° aniversário do grupo, nesta quarta-feira (13), às 20h, no Teatro Municipal, com entrada é gratuita. O G1 acompanhou o ensaio do grupo antes dessa apresentação especial.

O regente, Paulo Marcos Gomes Pereira, repassa o repertório, minuciosamente. Entre as peças, a “Sinfonia n.º 8”, de Franz Schubert, Valsa Triste, de Jean Sibelius, o tema da abertura de “Game of Thrones”, composição de Ramin Djawadi e arranjo de Larry Moore, além da seleção musical da trilha sonora do videogame The Legend of Zelda, escrita por Koji Kondo e a versão orquestrada da música “Happy”, famosa na voz de Pharrell Wiliams. (Veja o vídeo abaixo).

A Orquestra de Bauru, que é mantida pela Secretaria Municipal de Cultura, comemora mais um ano de atividades com várias mudanças. Além da transferência da sede do prédio do Automóvel Clube para o complexo da Estação das Artes (Antiga Estação Ferroviária), o maestro também aponta uma renovação no quadro de músicos.

“Esse ano passamos por uma renovação e temos um grupo grande de alunos novos que nunca tocou em conjuntos, por exemplo. Inclusive, este concerto é a primeira apresentação de vários deles”, conta Paulo Gomes Pereira. A orquestra, juntamente com a Banda Sinfônica Municipal de Bauru, oferece um curso preparatório para os alunos e a maioria dos músicos aprendeu o instrumento na própria corporação, que também ensina teoria musical.

“A orquestra e a banda me ensinaram muita coisa além da música. A trabalhar em grupo, disciplina, tolerância e a desenvolver nossa habilidade artística. É muito inspirador”, relata o trombonista Micael Augusto, que conheceu o projeto ainda na adolescência e, atualmente, com 22 anos, concluiu uma graduação na área musical.

Atualmente o grupo conta com 70 alunos, divididos entre os instrumentos de sopro, cordas, percussão e madeira, que recebem uma bolsa-auxílio da prefeitura para estudar música diariamente.

Para aproximar ainda mais a comunidade, o grupo tem investido na divulgação nas redes sociais e em projetos de formação de público, como o “Concerto Didático”, e um programa sobre música erudita em uma Web Rádio educativa veiculada a uma universidade. O mote, ainda de acordo com o maestro, é valorizar a experiência de ouvir e assistir um concerto ao vivo de música erudita.

Ao longo do ensaio, a Orquestra acerta, compasso por compasso, a peça que será destaque da noite, a Sinfonia de Schubert, conhecida como popularmente a “Sinfonia Inacabada”. “É a mais longa, com nível técnico mais alto. Tem duração de 30 minutos e é uma peça muito bonita. A peça em si tem uma ideia melodica é bem simples e singela. No geral, é quase impossível ficar indiferente”, descreve Pereira.

*Colaborou sob a supervisão de Mariana Bonora, do G1 Bauru e Marília.

Source link

قالب وردپرس

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *