Game of Thrones revela nome real de [Spoilers]

By | 29th August 2017

Atenção, seguem-se spoilers para o último episódio da temporada 7 de Game of Thrones, “The Dragon and the Wolf.”


Finalmente, e de uma vez por todas: Jon Snow não é o filho bastardo de Ned Stark e uma misteriosa mulher, mas sim o filho legítimo de Lyanna Stark e Rhaegar Targaryen. Para além disso, Jon Snow não é o seu nome real mas sim Aegon Targaryen.

Trata-se de uma grande revelação não só para a audiência mas para a própria série. A confirmação dada por Bran Stark de que Jon é o verdadeiro herdeiro do Iron Throne não poderia vir em pior altura, porque aconteceu enquanto Jon estava a ter sexo com a sua tia, Daenerys Targaryen.

Game of Thrones preparou cuidadosamente a revelação de quem são os pais de Jon Snow durante temporadas. Na temporada 6, Bran teve a primeira pista de que algo se passava quando viu o seu pai, Ned, a confortar a sua tia, Lyanna, depois de esta ter dado à luz de um rapaz na Tower of Joy. Esse rapaz era mesmo Jon Snow.

Já na temporada 7 percebemos ainda mais sobre o assunto. Foi Gilly que descobriu num livro em Oldtown que Rhaegar teve uma anulação com a sua primeira esposa, Elia Martell, para poder casar com Lyanna, fazendo de Jon um Targaryen legítimo. Uma pista ainda maior, mas menos direta, surgiu quando Drogon permitiu que Jon Snow o tocasse.

A verdade veio finalmente ao de cima quando Bran Stark se sentou com Samwell Tarly em Winterfell. Bran sabia que Jon era o filho bastardo de Rhaegar e Lyanna por causa das suas visões, mas Sam preencheu o resto do puzzle ao revelar o divórcio de Rhaegar e Elia Tyrell. Bran voltou a esse ponto na história e confirmou ser verdade, o que significa, tal como ele disse, que a “Robert’s Rebellion foi construída numa mentira.” Afinal de contas, Rhaegar não raptou e violou Lyanna.

Então o que significa tudo isto? Tal como Bran apontou, isto faz com que, tecnicamente, Jon seja o verdadeiro rei de Westeros. Mas será que Dany vai ajoelhar-se a Jon tal como ele fez com ela? Bran diz a Sam que eles têm de dizer a Jon quem realmente é, mas com que fim? O cenário mais risonho será se Jon e Daenerys se casarem – e talvez ele ultrapasse a profecia de Mirri Maz Duur tal como sugeriu e agora esteja Dany grávida.

No pior cenário, isto coloca Daenerys e Jon um contra o outro, competindo pelo mesmo trono. Depois de tudo o que aconteceu para juntá-los, isto levaria-os a uma mudança de acontecimentos para a oitava e temporada final.

“Complica tudo a nível político, a nível pessoal e torna tudo o que poderia ser puro e perfeito para Jon e Dany incerto,” disse o showrunner David Benioff no segmento “Inside the Episode.”

“A única maneira de enfatizar realmente isso foi juntar esses dois mundos cinematicamente e ter Bran narrar esses factos sobre as imagens de Jon e Dany,” disse D.B. Weiss. “Ao vermos essas duas pessoas juntas, estamos a ouvir a informação que irá inevitavelmente, se não separá-los, pelo menos causar problemas reais na sua relação – e ela é sua tia.”

Os showrunners falaram ainda dos desafios de revelar esta informação que muitos já suspeitavam há anos. “Jon não é Jon Sand. É – tal como Bran ouve de Lyanna – Aegon Targaryen e que significa que ele é o herdeiro por direito ao Iron Throne. Isto muda tudo,” diz Benioff.

A temporada final de Game of Thrones terá apenas seis episódios e poderá não ir para o ar antes de 2019. Presumivelmente, começará exatamente onde esta terminou, com a invasão dos White Walkers a Westeros e a chegada de Jon e Daenerys a Winterfell para saberem das novidades da boca de Sam e Bran.


Pedro Ferreira é apaixonado por tudo o que é desporto, Linkaholic, produtor de conteúdos do IGN Portugal e um animal social nos tempos livres. Podes segui-lo em @pedro_scb

Mais sobre isto…

Source link

قالب وردپرس

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *