Game of Thrones | “Não sei se simpatizo com ela, mas a admiro”, diz Lena Headey sobre Cersei | Notícia

By | 11th July 2017

Lena Headey, responsável por viver Cersei Lannister em Game of Thrones, falou sobre o que sente pela personagem. Ao longo de seis temporadas, a única filha Lannister sofreu com a morte de todos os filhos e com humilhações como a Caminhada da Penitência, mas também se mostrou uma inimiga implacável ao explodir o septo de Baelor com várias pessoas dentro. No final do último ano, Cersei foi coroada Rainha dos Sete Reinos e, em entrevista à Time, Heady falou sobre como foi essa mudança.

Adoro interpretar Cersei. Estou muito intrigada em ver o que vai acontecer com ela! Ela é uma pessoa feita de camadas, sem fim. Toda vez que você pensa que a conhece, descobre uma nova profundidade de insegurança, fúria, ressentimento ou sofrimento. George [R.R. Martin] deu a David Benioff e Dan Weiss o caminho para isso. Não sei se simpatizo com ela. Eu a admiro.

Segundo a atriz, essa admiração vem muito de como Cersei se coloca em um mundo dominado por figuras masculinas. “À medida vamos a conhendo, vemos que ela é uma mulher sobrevivente e realmente desesperada para ser ouvida. Ela precisa dizer algo sete vezes quando um homem diz uma vez só. No início, as pessoas tratavam ela como ‘meu Deus, você é uma vadia!’. O que está acontecendo é que agora as pessoas a amam e querem estar em seu time“.

Headey comentou também a guinada de poder da personagem. “Não consegui acreditar nesse momento. Nunca achei que isso aconteceria em um milhão de anos, nunca pensei que ela teria coragem para finalmente fazer o que ela fez. Foi um ótimo momento. Tenho certeza de que o assento do poder nunca é completamente confortável. Mas ela está ciente. Ela está ciente de toda a dor que criou para todos“.

A atriz conta que foi Peter Dinklage que a avisou sobre o que Cersei faria na sexta temporada. Na época que recebeu os roteiros, Lena havia acabado de ser mãe pela segunda vez e estava ocupada com as questões ligadas à maternidade. Ela lembra que ele criou uma norme expectativa e ela acabou correndo para ler – mas, na hora, só conseguia pensar que sua personagem teria morrido. Depois de ler, ficou tão chocada quanto o colega de elenco. As ações de Cersei, contudo, geraram reflexos negativos também para ela.

Com Tommen, obviamente, nós percebemos que a profecia da bruxa sobre Cersei perder seus filhos e perder o poder para uma bela rainha mais jovem era real. Além de todas as coisas que a assombraram durante toda a vida – sua família, seu pai, a morte de sua mãe, Tyrion, o relacionamento com Jaime – ela sempre acreditou que perderia os filhos. E acho que quando Tommen se vai, seu último filho, é quase… um alívio para ela. Uma coisa horrível pairava sobre sua cabeça e, finalmente aconteceu. Nesta temporada a veremos lidando com o seu sofrimento.

Game of Thrones retorna com capítulos inéditos em 16 de julho, às 22h.

Leia mais sobre Game of Thrones

 

Source link

قالب وردپرس

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *